Se você tem alguma dúvida sobre a saúde do seu animal
PERGUNTE AO
VETERINÁRIO

vet@kennelclub.com.br
Ruptura do Ligamento Cruzado Anterior
Dra. Marcelle R. C. Martins de Oliveira
Setor de Radiologia - Koala Hospital Animal

A ruptura do ligamento cruzado anterior é a condição que mais favorece o aparecimento de subluxações (instabilidades onde a articulação fica fora do seu lugar) do joelho. É mais comum em cães de raças de médio e grande porte, de meia idade e idosos, especialmente aqueles com excesso de peso.

Atividade física e peso corpóreo exercem stress sobre os ligamentos do joelho, que acabam se rompendo. Os saltos podem agravar a condição. O fator genético também exerce certa influência.

Geralmente provoca claudicação (o animal manca) do membro posterior. Em alguns casos, o cão carrega a perna, especialmente durante a corrida. O animal raramente expressa dor no exame, exceto quando a injúria ocorreu recentemente. Geralmente não há edema e o aparecimento é súbito. A instabilidade articular causada pela ruptura, eventualmente leva ao aparecimento de artrose.

O diagnóstico é basicamente clínico. Radiograficamente pode haver um deslocamento da tíbia em relação ao fêmur, porém o diagnóstico neste caso, é sugestivo, uma vez que, em condições normais, não se observa o ligamento nas radiografias, exceto quando estão calcificados.

O tratamento é cirúrgico. Existe uma variedade de técnicas cirúrgicas que podem ser aplicadas para o reparo do ligamento. O prognóstico é bom, após uma cirurgia bem sucedida. Como prevenção, é bom evitar exercícios muito forçados e controlar o peso do animal.