Se você tem alguma dúvida sobre a saúde do seu animal
PERGUNTE AO
VETERINÁRIO

vet@kennelclub.com.br

Sarna
Dr. Jorge Meneguello
Terapeuta Koala Hospital Animal

Os vários tipos

Sarna Demodécica

Também conhecida como sarna vermelha, é uma doença inflamatória provocada pela presença de grande quantidade do ácaro Demodex canis na pele do animal. O Demodex canis é habitante normal da pele de cães, porém em pequena quantidade. Provavelmente como resultado de um efeito genético ou imunológico, o ácaro se prolifera, gerando a sarna.
A transmissão ocorre por contato direto da mãe com os filhotes e não é contagiosa para outros animais, nem para o homem.

Ela pode se manifestar de várias formas:

- Localizada - normalmente benigna e de resolução espontânea;
- Generalizada - mais grave, podendo levar o animal à morte;
- Pododemodicose - lesões apenas nas patas.
O diagnóstico é realizado através de raspados de pele. Por ser uma doença genética, os animais afetados, seus irmãos e pais não devem ser utilizados para reprodução.

Sarna Sarcóptica

Ë uma doença provocada por um ácaro, o Sarcoptes canis; conhecida também como escabiose, é contagiosa para outros animais e para o homem e provoca muita coceira. O diagnóstico é feito por raspados de pele. O tratamento é simples e deve ser realizado em todos os animais que tenham contato com o cão afetado, mesmo que não apresentem lesões.
O diagnóstico é feito pela história e exame do animal e o tratamento deve ser realizado com o objetivo de eliminar a causa e tratar os sintomas.

Sarna Notoédrica

É causada por um ácaro chamado Notoedres cati, que acomete principalmente felinos. Provoca muita coceira; normalmente as lesões localizam-se na cabeça a nas bordas das orelhas. O ácaro é facilmente encontrado em raspados de pele. Existe o risco de contágio tanto para o homem como para outros animais. Para a total eliminação do ácaro devemos tratar o paciente, os animais contactantes e o ambiente. Uma maneira de evitar o contágio é restringir o livre acesso dos felinos à rua.

Sarna Otodécica

Acomete cães e gatos e é causada por um ácaro chamado Otodectes cynotis, que parasita o conduto auditivo, provocando muita coceira e a produção de uma cera enegrecida. O parasita pode ser observado através de otoscopia ou exame microscópico da secreção ótica.
É contagioso somente para outros animais e também pode provocar lesões em outras regiões do corpo.