Características Gerais

Padrão FCI n. 24
Grupo n. 6, Sabujos e Rastreadores
Tamanho grande; 58 a 71 cm
Peso 30 a 31 Kg
Pelagem curta
Agressividade baixa
Aptidão caça (matilha)
Atividade
Espontânea
alta
Área para criação grande
País de Origem França

 

Clique para ver

 
Poitevin

No século XVII havia uma abundância de lobos na província de Poitou, costa oeste da França, acima de Saintongeois e abaixo da Vendéia e Britânia. Em torno de 1690 o Marquês François de Larrye, de Poitou, desenvolveu esse grande hound especificamente para caçar lobos em matilhas.
Esses animais eram muito conceituados pelo seu faro, voz e velocidade em terrenos difíceis. Caçadores franceses relataram que o Poitevin era o melhor cão no mundo para caçar lobos, capaz de seguir a presa incansavelmente do amanhecer ao pôr-do-sol.
A Revolução Francesa acabou com vários canis e em 1842 uma epidemia de raiva dizimou a última matilha, restando apenas um macho e duas fêmeas. A raça só foi restaurada no século XX por admiradores determinados, que tiveram que se utilizar de alguns cruzamentos incluindo o Foxhound.

Ainda hoje são cães raros, mas recentemente um norte-americano apaixonado por hounds importou um grande número de exemplares e vem desenvolvendo a criação nos USA.
O Poitevin caça não só lobos como alces, javalis, raposas e é um cão gentil, amigável, alerta, que apesar de não adaptar-se bem à vida urbana, é muito dócil com crianças e outros animais.

A pelagem é curta e acetinada.

A cor é tricolor de laranja, branco, com sela preta ou bicolor de laranja e branco.

Na aparência geral o Poitevin é um cão de grande porte, elegante, de membros fortes, com boa ossatura e bem aprumado. A cabeça é estreita, praticamente sem stop, com focinho alongado e orelhas pendentes não tão longas como a maioria dos hounds. A cauda é levemente curvada e portada à altura do dorso.

 


Voltar

 


Clique aqui.


Para retornar na sua pesquisa, clique no botão do seu Browser!