Características Gerais

Padrão FCI n. 85
Grupo n. 3, Terriers
Tamanho 28 cm, proporcional
Peso proporcional
Pelagem longa e dura
Agressividade baixa
Aptidão caça, companhia
Atividade
Espontânea
média
Área para criação pequena
País de Origem Grã Bretanha

 

Clique para ver

 
West Highland White Terrier

É provável que o White Terrier, assim como todos os terriers da Escócia, tenham-se originado dos Scottishs, Cairns e Dandie Dinmonts.
De acordo com especialistas o West Highland White Terrier teve sua origem em Poltalloch, Escócia, onde vinham sendo criados por mais de 100 anos antes mesmo de sua primeira aparição em exposições. O Coronel Malcolm de Poltalloch, um dos que mais desenvolveram a raça, comentava que seu pai e seu avô já possuíam estes cães. É provável que a linhagem de Malcolm remonte à época do Rei James I.
Há mais de um século a raça era conhecida como Roseneath Terrier ou Poltalloch Terrier e somente em 1909 passou a ter o nome atual.
O White é a essência de um terrier - um monte de coragem e determinação e devoção reunida num pequeno corpo. Em casa eles são tudo o que se deseja de um pet, confiáveis, compreensivos, devotados, alegres, com coração mole e muito inteligentes.

Esses pequenos e adoráveis cãezinhos são extremamente fortes e resistentes, não necessitando de cuidados especiais. Eles adoram brincar na neve e acompanham esquiadores e andarilhos por longos percursos.
Muitas pessoas acham que é difícil cuidar de um cão branco, mas basta um pouco de tempo para uma escovação diária e eles ficam em excelentes condições.

A pelagem é dupla, dura e reta com aproximadamente 5 cm, mais curtas nos ombros e pescoço e a cor é sempre o branco.

A aparência geral é de um verdadeiro pequeno cão de caça, de forte constituição com garupa poderosa e bem musculados. As orelhas são portadas eretas e a cauda é relativamente curta e portada ereta.

 


Voltar

 


Clique aqui.


Para retornar na sua pesquisa, clique no botão do seu Browser!